Adolescente é encontrado morto dentro do Centro de Atendimento Socioeducativo, em Goiânia

De acordo com secretária responsável pelo local, vítima foi encontrada enforcada dentro do banheiro do alojamento e companheiro de cela é o principal suspeito

Um menor de 15 anos foi encontrado morto dentro de um dos alojamentos do Centro de Atendimento Socioeducativo (Case) do Conjunto Vera Cruz I, em Goiânia, na noite desta quinta-feira (6). De acordo com a Secretaria de Desenvolvimento Social (Seds), responsável pelo local, o caso é tratado como homicídio e o principal suspeito é o companheiro de cela da vítima, que não teve a idade divulgada.

A secretaria destaca, por nota, que o caso foi percebido após um agente de segurança dar falta do adolescente. Na conferência, o mesmo encontrou a vítima enforcada com um lençol no banheiro da unidade. O companheiro de cela estava agitado, mas, inicialmente, negou a autoria do suposto crime. Ambos estavam na unidade há apenas quatro dias e já tinham dividido espaço na unidade em outras ocasiões e, de acordo com a secretaria, não havia histórico de conflito entre eles.

Uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionada, mas apenas constatou o óbito do menor. O alojamento ficou interditado até a chegada da Polícia Técnico-Científica. O outro adolescente suspeito do crime foi apreendido em flagrante e está detido na Delegacia de Apuração de Atos Infracionais (Depai), que conduzirá as investigações.

Ainda em nota, a Seds afirma que familiares da vítima foram avisados por volta das 22h e que a mesma destacou que “uma equipe multidisciplinar de assistente social e psicóloga esteve no Instituto Médico-Legal, prestando a assistência necessária aos familiares”, diz o texto.