Advocacia agrarista defende continuidade da gestão da OAB-GO na figura de Rafael Lara

"Continuidade com muita inovação e criatividade", se comprometeu o pré-candidato Rafael Lara

Advocacia agrarista defende continuidade da gestão da OAB na figura de Lara
Advocacia agrarista defende continuidade da gestão da OAB na figura de Lara (Foto: Divulgação)

Pré-candidato à presidência da Ordem dos Advogados do Brasil – Seção Goiás (OAB-GO), Rafael Lara Martins debateu com a advocacia agrarista e do agronegócio durante visita à Sociedade Goiana de Pecuária e Agricultura (SGPA). Os presentes defenderam a continuidade da gestão na figura de Lara, que é sucessor da atual administração.

Ainda durante a passagem pela SGPA, Lara conversou sobre custas judiciais, processos com cartórios, cursos de capacitação profissional, relação da advocacia com a agropecuária e mais. Após encontro, os advogados presentes endossaram apoio ao conselheiro federal e diretor-geral da Escola Superior de Advocacia de Goiás (ESA-GO), que disputa a eleição da OAB-GO em novembro.

“Rafael Lara representa o que é a advocacia goiana. Ele mostra que a OAB é acessível a todo mundo e que, através do fomento ao aprimoramento, o advogado não tem barreiras. E o meu apoio é pela continuação dessa Ordem democrática, aberta ao advogado novo e ao advogado velho, extremamente acessível a todos. Os cursos que foram ministrados na ESA são dignos de OAB nacional. E eu acho que o trabalho tem que continuar. Por isso meu apoio ao Lara”, elogiou Raphael Venâncio, presidente da Comissão Especial do Direito do Agronegócio. Para ele, o trabalho da atual gestão precisa continuar.

Já a conselheira seccional e atual vice-diretora social da SGPA, Carolina Alves, destacou a relevância da área e dos produtores rurais para a economia não só de Goiás, mas do Brasil. Para ela, é muito importante a união das categorias.

“A gente precisa de uma advocacia forte pra nos proteger. E eu tive muito apoio nisso do Rafael e do Lúcio Flávio. A OAB precisa estar presente em todos os segmentos da nossa sociedade, isso é muito importante. Por isso que eu, o Rafael [Lara] e o Raphael Venâncio estamos sempre conversando para tentar fazer essa união. E eu acredito que com o Rafael Lara na presidência nós vamos conseguir mais ainda essa interação”, explicou.

Defesa da continuidade na figura de Rafael Lara

“Eu vejo que o Rafael Lara é capacitado para dar continuidade no trabalho que o Lúcio Flávio iniciou lá atrás, da mudança da Ordem, da chegada dos professores advogados na OAB, com conhecimento técnico e com uma advocacia diferenciada”, declarou o presidente da Comissão de Direito Agrário, Frederico Alves.

Ele expôs, ainda, que a Comissão de Direito Agrário busca junto ao Tribunal de Justiça e aos cartórios de registro de imóveis uma uniformização no procedimento de regularização fundiária que é importante para todo o Estado. “Por esse motivo eu entendo que o trabalho do agrário e do agronegócio têm sido difundido e nós gostaríamos de dar continuidade neste trabalho”, arrematou.

Lara, por sua vez, garantiu continuidade, se eleito. Segundo ele, todas as conquistas serão mantidas e a OAB-GO terá muitas inovações.

“Quero pedir a cada um vocês um voto de confiança. Nós vamos, efetivamente, representar de forma muito digna a continuidade desse trabalho. Mas uma continuidade com muita inovação e criatividade, olhando para o futuro da advocacia, um projeto que tem o mercado de trabalho como a palavra de ordem.” Na ocasião, Lara também conheceu o Movimento Compromisso com a Advocacia.