Agora candidato a senador, João Campos crítica ministros do STF

João Campos reafirma compromisso com a pauta de "costumes" e de segurança

Agora candidato a senador, João Campos crítica ministros do STF (Foto: Jucimar de Sousa)
Agora candidato a senador, João Campos crítica ministros do STF (Foto: Jucimar de Sousa)

Em seu primeiro discurso como candidato a senador na chapa do governadoriável Gustavo Mendanha (Patriota), João Campos (Republicanos) criticou ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) por, segundo ele, invadir competências de outros poderes da República.

Ao dizer que já faz uma legislatura que vai além do público evangélico, Campos declarou que, como senador, trabalhará para fortalecer o sistema de “freios e contrapesos” no STF e garantir que a democracia se preserve. Ele também disse que suas pautas “sempre foram” ligadas à segurança pública, bem como aos costumes.

Além de João Campos, fazem parte da chapa majoritária o ex-prefeito de Aparecida Gustavo Mendanha, como candidato ao governo, e o ex-deputado federal Heuler Cruvinel, a vice.