Após agredir esposa, homem é preso por tentar subornar PM, em Aparecida

A tentativa não funcionou e o suspeito foi detido pelos dois crimes

Preso suspeito de agredir a esposa tenta subornar PM em Aparecida de Goiânia

Após ser preso suspeito de agredir a esposa, um homem tentou subornar os policiais militares (PMs) envolvidos na ocorrência de violência doméstica. O caso aconteceu na noite de quarta-feira (14), no Jardim Eldorado, em Aparecida de Goiânia, região metropolitana de Goiânia.

Ao chegarem no endereço, os policiais encontraram uma mulher e o filho dela de 17 anos, que possui uma deficiência. A vítima narrou que havia sido agredida pelo marido e que, inclusive, o homem havia a ameaçado com um revólver.

Depois da denúncia e do relato feito pela vítima, os militares localizaram o suspeito, que realmente estava armado, conforme o relato da vítima, com uma pistola calibre 45, que tinha a numeração raspada e sete munições intactas.

Após a abordagem, os policiais afirmam que o homem tentou suborná-lo, oferecendo a quantia de R$ 950,00 aos policias e a arma para evitar a prisão. A tentativa não funcionou e o homem foi preso em flagrante por violência doméstica e tentativa de suborno aos policias.

O caso de agressão não é isolado. Segundo dados da Secretária Estadual de Segurança Pública de Goiás (SSP), 5.238 mulheres foram vítimas de lesão corporal durante o primeiro semestre de 2021, no estado de Goiás.