Após apreensão de quatro veículos, motoristas do Uber fazem manifestação na noite de hoje no Setor Bueno

Apreensão de veículos que fazem o serviço alternativo de transporte de passageiros na tarde desta segunda-feira gerou revolta entre motoristas e usuários

A apreensão de quatro carros do Uber pela Guarda Civil Metropolitana e por fiscais de posturas da prefeitura de Goiânia na tarde desta segunda-feira (27/06) deixou os motoristas e usuários do serviço revoltados. O fato ocorreu em frente a um shopping próximo ao Parque Vaca Brava, no setor Bueno, em Goiânia.

Segundo o motorista do Uber Thiago José, um carro foi fechado por viaturas da guarda municipal quando foi pegar uma passageira na porta do shopping. O veículo foi apreendido e logo outros motoristas apareceram em solidariedade ao colega.

Ainda de acordo com Thiago, outro carro teria sido apreendido nesse momento. Depois outros dois veículos também foram levados na operação.

Em protesto, os motoristas do Uber se organizaram nas redes sociais e prometem uma grande manifestação na noite de hoje na porta do shopping. “O dono do carro tinha todos os documentos em dia, tudo certinho e levaram o carro dele sem argumentação alguma. Eles só pararam para pegar os nossos carros. Lá tinha carro estacionado em local proibido e os fiscais não fizeram nada”, diz Thiago.
uber

Resposta

Em nota, a Secretaria Municipal de Planejamento Urbano e Habitação (Seplanh) explicou que a ação ocorrida na tarde desta segunda-feira trata-se de uma operação de rotina da área de fiscalização de transportes urbanos e postura no trânsito da pasta.

Segundo a secretaria, a ação pasta está apenas cumprindo seu papel, já que o transporte de passageiros pela modalidade UBER ainda não foi regulamentado na capital, “razão pela qual está sujeita às penalidades previstas em lei.”

A Seplanh ainda esclareceu que as apreensões não ocorreram após acionamento do aplicativo pelos fiscais, conforme relatado por alguns motoristas, “mas, sim quando os veículos chegavam ao estabelecimento comercial para embarque e desembarque de passageiros”, informou, em nota.