Atlético sai na frente, mas Juventude empata com pênalti no último minuto

Zé Roberto deixa o banco para fazer o gol goiano, mas gaúchos igualam com Matheus Peixoto, aos 51 do segundo tempo

Foto: Fernando Alves/Juventude

Lamentação. Esse é o sentimento do Atlético Goianiense ao fim da manhã deste domingo, na saída do Alfredo Jaconi. Em Caxias do Sul, o Dragão vencia o Juventude até os 51 minutos do segundo tempo, mas sofreu gol de pênalti no último lance e acabou com o empate em 1 a 1.

Zé Roberto fez o gol rubro-negro, enquanto Matheus Peixoto fez o gol gaúcho. Com o resultado, o Dragão fica em nono lugar, com 15 pontos. O próximo desafio será domingo (18), às 16h, no Antônio Accioly, contra o líder Palmeiras. Já a equipe gaúcha, que está na 12ª posição, com 13 pontos, volta a campo no mesmo dia, em clássico com o Internacional, no Beira-Rio, às 20h30.

O primeiro tempo foi de poucas emoções e muitos erros. Foram várias tentativas de finalizações, mas sem direção. Nas raras investidas certeiras, Fernando Miguel salvou o Atlético em arremates de Wescley e Castilho, enquanto Carné fez seu papel pelo time da casa.

Com a entrada do atacante Fernando Pacheco na vaga do volante Jadson, o Juventude passou a ser mais ofensivo e encurralou o Dragão. Apesar de ficar rondando a área e finalizar mais, mostrou falta de pontaria. Bem postado defensivamente, o Atlético contou com a estrela do técnico Eduardo Barroca, que trocou o apagado Lucão, aos 26 minutos, por Zé Roberto. Em uma das primeiras participações, aos 29, o atacante mostrou frieza e precisão, cabeceando no cantinho e completando com maestria o levantamento de Natanael.

A pressão do Juventude seguiu até o fim e foi premiada aos 50 minutos, quando Wagner tentou levantamento na área e a bola foi bloqueada pelo braço de Baralhas – que havia entrado no segundo tempo. Na cobrança do pênalti, Matheus Peixoto chutou forte, deslocou Fernando Miguel e garantiu a igualdade gaúcha.

Ficha técnica:
Juventude 1 x 1 Atlético/GO
11ª rodada do Brasileirão
Data: 11 de julho de 2021
Estádio: Alfredo Jaconi, em Caxias do Sul

Cartões amarelos: Sorriso (JUV); Willian Maranhão (ACG)
Gol: Zé Roberto aos 30 minutos do segundo tempo e Matheus Peixoto aos 51 minutos do segundo tempo

Juventude: Marcelo Carné; Michel Macedo (Paulo Henrique), Vitor Mendes, Rafael Forster e William Matheus; Elton (Wagner), Jadson (Fernando Pacheco), Guilherme Castilho e Wescley (Capixaba); Sorriso (Chico) e Matheus Peixoto.
Técnico: Marquinhos Santos

Atlético/GO: Fernando Miguel; Dudu, Oliveira, Éder e Igor Cariús; Willian Maranhão, Marlon Freitas e André Luís (Arnaldo); Arthur Gomes (Janderson), Lucão (Zé Roberto) e Natanael (Baralhas).
Técnico: Eduardo Barroca