BBB 17: Familiares dos brothers disputam eliminatória para Prova do Líder

Eles deveriam usar uma alavanca para acertar bolinhas dentro de "favos" no jardim da casa

Tiago Leifert avisou que hoje daria folga aos participantes do Big Brother Brasil. Geralmente, às quintas-feiras há a Prova do Líder, mas nesta (6) houve apenas uma eliminatória, que não foi disputada pelos brothers. Em seu lugar, foram seus familiares.

Pais, filhos e mães foram convidados para viver a pressão do confinamento por um dia. A mecânica da Prova era simples: colocar bolinhas em “favos” no jardim da casa, utilizando uma alavanca para isso. Os recipientes do meio valiam menos pontos, enquanto os das pontas – mais difíceis de acertar – tinham maior valor.

Por fim, Emilly, Marcos e Marinalva foram os três com maior pontuação nas três rodadas da classificatória. Portanto, apenas eles disputarão a Prova do Líder, que acontecerá nesta sexta-feira (7) e será de resistência.

Veja como os familiares pontuaram:

Emilly: 40 + 20 + 0 = 60
Ieda: 0 + 0 + 0 =0
Marcos: 10 + 20 +20 = 50
Marinalva: 10 + 0 + 30 = 40
Vivian: 10 + 0 + 5= 15

Na primeira rodada, Volnei, pai de Emilly, saiu na frente com 40 pontos. A filha de Ieda ficou com zero e os familiares de Vivian, Marcos e Marinalva marcaram 10 pontos cada.

Na próxima etapa, Emilly somou mais 20 pontos. A aposentada continuou com nada. A irmã de Marcos fez 20 pontos para o brother.

Na terceira e última rodada, Emilly não somou nada, assim como Ieda. A mãe de Vivian fez 5 pontos para ela. O filho de Marinalva despontou com 30 pontos e a irmã de Marcos deu-lhe mais 20 pontos, colocando-o no páreo com sua namorada e com a paratleta.