Telemania

‘Justified’: Timothy Olyphant vai retornar para o revival da série

Seriado foi originalmente ao ar por seis temporadas, de 2010 até 2015

(Foto: Divulgação)

Um revival de “Justified” foi encomendado pelo canal FX. Além do retorno da série, o ator Timothy Olyphant está definido para reprisar o papel do marechal dos EUA, Raylan Givens.

A Variety informou exclusivamente que o projeto esta em andamento em março de 2021. A nova iteração da série dramática é inspirada no romance de Elmore Leonard, “City Primeval: High Noon in Detroit”. Leonard criou o personagem Givens, que apareceu em vários romances do autor e na novela “Fire in the Hole”, esta última serviu de base para “Justified”.

Oficialmente intitulado “Justified: City Primeval”, o novo programa começa com Givens oito anos depois que ele deixou o Kentucky para trás. Ele agora vive em Miami, um anacronismo ambulante que equilibra sua vida como marechal dos EUA e pai em meio período de uma menina de 14 anos. Seu cabelo está mais grisalho, seu chapéu está mais sujo e a estrada à sua frente de repente é muito mais curta do que a estrada atrás. Um encontro casual em uma estrada desolada da Flórida o envia para Detroit. Lá ele cruza o caminho de Clement Mansell, também conhecido como The Oklahoma Wildman, um violento e sociopata desesperado que já escorregou pelos dedos dos melhores de Detroit uma vez e pretende fazê-lo novamente. A advogada de Mansell, a formidável Carolyn Wilder, nativa de Motor City, tem toda a intenção de representar seu cliente, mesmo quando ela se encontra presa entre policial e criminoso, com seu próprio jogo em andamento também.

“Justified” foi ao ar por seis temporadas e um total de 78 episódios no FX, de 2010-2015. O show foi um sucesso de crítica desde o início, rendendo oito indicações ao Emmy em suas seis temporadas, incluindo uma para Olyphant de melhor ator em drama (2011).

Dave Andron e Michael Dinner atuarão como roteiristas, showrunners e produtores-executivos da nova série, com a direção de Dinner. Olyphant será produtor-executivo além de estrelar.