Buscas por autor de chacina no DF entram no 9º dia

Lázaro Barbosa Sousa, 32, segue escondido em região de mata entre Edilândia e Girassol, em Cocalzinho de Goiás

As buscas por Lázaro Barbosa Sousa, 32, apontado como autor de chacina em Ceilândia, no DF, continuam na manhã desta quinta-feira (17) (Foto: divulgação/PRF)
As buscas por Lázaro Barbosa Sousa, 32, apontado como autor de chacina em Ceilândia, no DF (Foto: divulgação/PRF)

As buscas por Lázaro Barbosa Sousa, 32, apontado como autor de chacina em Ceilândia, no Distrito Federal (DF), continuam na manhã desta quinta-feira (17). Hoje já é o nono dia de caçada ao suspeito que tem aterrorizado os moradores do povoado de Edilândia, em Cocalzinho de Goiás. Em pouco mais de uma semana, o homem é suspeito de matar cinco pessoas, furtar um carro, balear quatro pessoas, entre elas um policial militar, invadir propriedades e fazer moradores reféns.

A onda de crimes supostamente cometidos por Lázaro teve início na última semana. Ele teria matado um caseiro em uma fazenda de Girassol, distrito de Cocalzinho de Goiás. Segundo a Polícia, dias depois ele foi o responsável pela chacina de uma família em Ceilândia (DF), ocasião em que quatro pessoas – pai, mãe e dois filhos – foram mortos.

Na noite de sabado (12), o suspeito invadiu uma propriedade e obrigou os residentes a fazer comida para ele enquanto obrigava a fazer consumo de drogas. Três pessoas foram baleadas na ocasião. No dia seguinte, Lázaro invade outra fazenda e furta um Corsa vermelho. O homem avista policiais e foge à pé na região de mata em Edilândia, povoado de Cocalzinho.

Desde então, ele segue invadindo chácaras para se alimentar. Em uma das invasões, o homem fez uma família refém e baleou um militar durante troca de tiros. A Polícia conseguiu chegar a tempo e evitou a morte de três pessoas.

Cerca de 200 policiais de Goiás e DF compõem a força-tarefa que busca pelo suspeito. 

Na quarta-feira (16), a Secretaria de Segurança Pública descartou a possibilidade de chamar o Exército para auxiliar nas buscas. A Força-tarefa vai utilizar cansaço de Lázaro como estratégia para capturá-lo.

Veja a cronologia dos crimes e principais informações reveladas até o momento sobre o suspeito.