Câmara aprova troca do nome da avenida Castello Branco pelo de Iris Rezende

Vereadores dizem que mudança visa a homenagear o ex-governador, que morreu em novembro

Câmara aprova troca do nome da Avenida Castelo Branco pelo de Iris Rezende
Câmara aprova troca do nome da Avenida Castelo Branco pelo de Iris Rezende (Foto: Jucimar de Sousa - Mais Goiás)

A Câmara Municipal de Goiânia aprovou, nesta terça-feira (21), o projeto de lei que muda o nome da avenida Castello Branco para avenida Iris Rezende Machado. Vereadores dizem que mudança visa a homenagear o ex-governador e ex-prefeito da Capital, que morreu em novembro.

O vereador Clécio Alves (MDB), que foi quem propôs a mudança, ressaltou que a troca é em reconhecimento à luta de Iris pelo restabelecimento da democracia no Brasil. A propositura alterava inicialmente a denominação da Avenida Anhanguera, mas sofreu emenda modificativa para passar a alterar a denominação da avenida Castello Branco.

Ditadura

A Lei Orgânica de Goiânia permite a mudança do nome de logradouros que homenageiam ditadores ou pessoas ligadas à ditadura militar, como é o caso do ex-presidente Castello Branco. Ele governou o Brasil, durante a ditadura, entre 1964 e 1967.

Iris Rezende teve seu mandato de prefeito de Goiânia cassado em 1969 pela ditadura militar. No projeto, inclusive, o autor cita erroneamente que Iris foi cassado por Castello Branco, o que deve ser corrigido da justificativa da matéria.

Outras homenagens a Iris

Este é o segundo projeto que a Câmara aprova, que muda o nome de algo para homenagear Iris. O primeiro foi o que acrescentou seu nome ao título do Parque Mutirama, proposto pelo presidente da Casa, Romário Policarpo (Patriota).

Leia outras notícias no Mais Goiás

Suspeito de matar a ex-namorada a facadas na frente do filho de 7 meses é preso em Indiara

Equipe do Ministério da Saúde vai a Rio Verde para tentar conter surto de H3N2

Goiano que pilotava para o PCC é inocentado após delação que causou prejuízo de R$ 1 bi à facção

Menina de 9 anos leva pedrada na cabeça durante briga por chocolate, em Anápolis

Informações: O Popular