Caminhoneiro é autuado pela terceira vez por embriaguez ao volante na BR-050, em Catalão

Caso aconteceu na manhã desta sexta-feira (20)

Caminhoneiro é autuado pela terceira vez por embriaguez ao volante na BR-050, em Catalão
Caminhoneiro é autuado pela terceira vez por embriaguez ao volante na BR-050, em Catalão (Foto: Divulgação - PRF)

Um caminhoneiro, de 54 anos, foi flagrado pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) na manhã desta sexta-feira (20), na BR-050, em Catalão. Em 40 dias, essa é a terceira vez que o motorista é autuado na mesma rodovia, pelo mesmo motivo.

O condutor trabalha no transporte de grãos produzidos na região sudeste goiana para o Triângulo Mineiro.

O flagrante aconteceu quando a equipe da PRF abordou uma carreta bitrem que seguia na BR-050 no sentido Araguari (MG) para Catalão. Ao fiscalizar o veículo, os agentes perceberam que o motorista apresentou forte odor de álcool. Ele foi submetido ao teste de bafômetro e foi reprovado com o teor alcoólico de 0,26 mg/l.

Caminhoneiro já havia sido  autuado pela mesma infração

Segundo a PRF, há 40 dias o mesmo motorista foi autuado pela mesma infração e 15 dias depois ele foi preso pela mesma irregularidade.

A PRF explica que na primeira e terceira autuação ele foi multado e não foi preso, somente na segunda vez é que o teor alcoólico de 0,61  mg/l, resultou em crime de trânsito.

Caminhoneiro terá que pagar multa

Pelas infrações cometidas o caminhoneiro terá que desembolsar mais de R$ 10 mil em multas e ainda poderá ficar 12 meses com a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) suspensa.