Cheia do rio Meia Ponte alaga casas do residencial Brisas da Mata, em Goiânia

Sete casas foram alagadas, mas não há vítimas

Cheia do rio Meia Ponte alaga casas do residencial Brisa da Mata, em Goiânia (Foto: Corpo de Bombeiros)
Cheia do rio Meia Ponte alaga casas do residencial Brisa da Mata, em Goiânia (Foto: Corpo de Bombeiros)

O rio Meia Ponte transbordou nessa sexta (14) em Goiânia e alagou sete casas do residencial Brisas da Mata. Não há vítimas. A água subiu um metro acima do nível normal.

O Coordenador Municipal de Proteção e Defesa Civil, Robledo Mendonça, afirma que as casas que ficaram submersas não estavam habitadas. Elas abrigam plantações e criações de animais. A região faz parte de uma área de preservação ambiental e as construções do local são irregulares.

“É uma área de preservação ambiental, uma área que não pode ter de forma alguma, nenhum tipo de construção, mas o pessoal invade para fazer pequenas plantações e criar animais. No nosso levantamento, 14 barracos foram atingidos, mas a grande maioria não mora lá, moram em outros locais e usam a área para plantação. Não houve casas submersas, a água atingiu uma altura de mais ou menos 1 metro, houve um transbordamento do Meia Ponte que atingiu barracos que estavam em local desapropriado. Não houve vítimas, nem danos em animais, apenas percas materiais” diz Robledo.

Defesa Civil alerta sobre nível do Meia Ponte há dias

O coordenador conta que desde o início da semana avisa os moradores sobre a possibilidade de alagamentos no local e por isso, no momento em que as casas foram atingidas, os proprietários não estavam no local.

 

Ver esta publicação no Instagram

 

Uma publicação partilhada por Mais Goiás (@maisgoias)