Datafolha: Mais de 80% é a favor do passaporte da vacina no Brasil

Pesquisa mostrou ainda que 18% são contra a exigência do comprovante. 1% não soube responder

Datafolha: Mais de 80% é a favor do passaporte da vacina no Brasil
Foto: Jucimar de Sousa - Mais Goiás

Uma pesquisa divulgada pelo Datafolha nesta segunda-feira (17) mostrou que 81% dos entrevistados aprovam a exigências do chamado “passaporte de vacina” para entrada em locais fechados como bares, restaurantes, entre outros. A pesquisa foi realizada nos dias 12 e 13 com 2.023 pessoas com mais de 16 anos em todos os estados do país. A margem e erro é de dois pontos percentuais, para mais ou para menos.

Ainda de acordo com a pesquisa, 18% são contra a exigência do comprovante. 1% não soube responder.

Os resultados mostraram ainda que os mais favoráveis à exigência do passaporte são mulheres (87%), pessoas com mais de 60 anos (87%), com ensino fundamental completo (86%) e aqueles que ganham até dois salários mínimos por mês (85%).

Entre os que são contrários, a maioria são homens (24%), pessoas de 25 a 34 anos (22%) e aqueles que têm renda mensal de mais de 10 salários mínimos (28%).

Levando em conta as regiões do país, a região Sudeste concentra a maior parte dos favoráveis ao passaporte (84%). Na região Sul está o menor percentual de aceitação (75%). Profissionalmente, as pessoas identificadas como donas de casa são as mais favoráveis (90%), enquanto as empresárias carregam a menor taxa (60%).

O que é o passaporte da vacina

O passaporte é um certificado que comprova que a pessoas já completou o esquema vacinal contra a Covid-19. O documento é emitido pelo ConecteSUS, do Ministério da Saúde.

Com informações de G1