Depois de alta hospitalar irmãs ganham passeio para Caldas Novas

Segundo a gerente da Unidade de Pronto Atendimento Pediátrico, Elaine Rios, as irmãs passaram por exames e foram liberadas após 24 horas de observação

Irmãs ficavam na mata com avó que prometia viagem para Caldas Novas. (Foto: Reprodução)
Meninas ficavam na mata com avó que prometia viagem para Caldas Novas. (Foto: Reprodução)

Na tarde desta quinta-feira (7) as irmãs Isabella Fernandes, de 11, e Júlia Fernandes, de 6, encontradas em Goianápolis na última quarta-feira (06) receberam alta hospitalar. As irmãs passaram por exame de corpo de delito no Instituto Médico Legal (IML) e estão com a mãe em casa após 8 dias desaparecidas.

Segundo a gerente da Unidade de Pronto Atendimento Pediátrico, Elaine Rios, as crianças passaram por exames e foram liberadas após 24 horas de observação.

Viagem a Caldas novas

Durante o sumiço, as irmãs receberam a falsa promessa da avó Tasmânia Soares, 45, de que iriam fazer uma viagem para Caldas Novas, quando saíssem da região. As crianças devem realmente fazer o passeio. Isso porque alguns clubes aquáticos da cidade entraram em contato com o Mais Anápolis para ofertar a viagem.

“Elas vão amar, elas ouviram algumas pessoas falando desse passeio nos corredores do hospital e já estão super ansiosas para poderem desfrutar logo”, contou a mãe Lorrane da Silva Soares.

Lorrane explicou ainda que as filhas estão bem e ansiosas para brincar. A mãe relatou que pretende fazer o máximo para que as filhas possam desfrutar da viagem e esquecer o trauma da mata.