Ecovias divulga balanço com mais de 2,5 mil acionamentos em trecho que corta Anápolis

Quem percorre o trajeto pode acionar a ecovias caso precise de algum suporte especializado, seja por pane em veículos ou acidentes

Ecovias divulga balanço com mais de 2,5 mil acionamentos em trecho que corta Anápolis, (Foto: Ecovias do Araguaia)
Ecovias divulga balanço com mais de 2,5 mil acionamentos em trecho que corta Anápolis, (Foto: Ecovias do Araguaia)

A empresa que administra as BRs – 153, 414 e 080, Ecovias do Araguaia, que estão no trecho Anápolis (GO) e Aliança do Tocantins (TO), divulgou nesta quinta (12) um balanço de ações realizadas no primeiro mês de concessão. Segundo a Ecovias, cerca de 2,5 mil acionamentos foram realizados nas rodovias.

Quem percorre o trajeto pode acionar a concessionária caso precise de algum suporte especializado, seja por pane em veículos ou acidentes.

Confira os números do 1º mês de operação:

– Total de 2.553 atendimentos prestados ao longo das BRs-153,414 e 080
– Caminhão-pipa: 17 acionamentos
– Socorro médico: 344 atendimentos pré-hospitalares, com 189 vítimas de acidentes, sendo 157 atendimentos a vítimas sem lesão.
– Remoção por guinchos: 345 atendimentos para guinchos leves e 122 para pesados.
– Apreensão e remoção de animais: dois atendimentos.

Pedágio começa ser cobrado em outubro

Ainda nesta semana, a reportagem divulgou que as nove praças de pedágio, que a Ecovias pretende instalar no trecho, devem começar a funcionar no mês de outubro.

Segundo um valor calculado e estabelecido junto a Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), serão R$ 0,10 por cada quilômetro rodado nas rodovias.

No valor acumulado serão R$ 10,12 reais a cada 100 quilômetros. De Aliança do Tocantins até Anápolis são 624 quilômetros. O motorista que percorrer todo trecho deverá gastar aproximadamente R$60.