Eduardo Leite disputa preferência dos goianos com Doria em evento neste sábado (7)

Governador do Rio Grande do Sul disputa com gestor de São Paulo vaga para disputar eleições presidenciais no PSDB

Contra Doria, Eduardo Leite vem à Goiânia para conseguir apoio no páreo pela oportunidade de representar o PSDB nas eleições presidenciais de 2022 (Foto: Agência Brasil)
Contra Doria, Eduardo Leite vem à Goiânia para conseguir apoio no páreo pela oportunidade de representar o PSDB nas eleições presidenciais de 2022 (Foto: Agência Brasil)

O governador do Rio Grande do Sul Eduardo Leite disputa a preferência dos goianos com o governador de São Paulo João Dória neste sábad0 (7), em Goiânia. A visita à capital tem o objetivo de aglutinar apoio em torno se seu nome com a finalidade de concorrer com o gestor paulista o direito de disputar as eleições presidenciais em 2022 pelo PSDB. O burburinho entre os presentes na recepção a Eduardo nesta manhã é de que tucanos de Goiás preferem o gaúcho a Dória como terceira via no páreo pela presidência da república.

Vale lembrar que essa disputa de preferência no PSDB é disputada também com Tasso Jereissati (CE) e Artur Virgílio (AM), para além de João Doria, que esteve na capital goiana em 10 de julho.

A expectativa em Goiás e garantir os votos necessários para superar os rivais de sigla na convenção, que deve ocorrer ainda este ano.

Eduardo Leite versus Doria no PSDB

Diferente de Doria, que tem como um dos apoiadores os tucanos Fernando Henrique Cardoso e o ex-governador Marconi Perillo, Leite não tem figurões do partido como suporte oficial. Ainda assim, ele surge como “terceira via” ao lado de nomes de outros partidos para o próximo pleito.

Vale lembrar, ele virou notícia ao assumir a homossexualidade no programa de Pedro Bial, na rede Globo, movimento incomum na política. Em 2018, ele apoiou o atual presidente Jair Bolsonaro (sem partido).