Em Inhumas, 14 presos fogem do presídio do município

Essa foi a terceira fuga registrada no feriado de Natal

Mais uma fuga de presídio marcou o feriado de Natal. Desta vez, o caso aconteceu em Inhumas, a cerca de 50 quilômetros de Goiânia, na tarde desta segunda-feira (25). Os 14 detentos fugitivos escaparam durante o banho de sol. Segundo a Superintendência Executiva de Administração Penitenciária (Seap), seis presos já foram recapturados.

Segundo Jorismar Bastos, presidente da Associação dos Agentes e Servidores do Estado de Goiás (Aspego), apenas dois agentes vistoriavam os 150 presos que estavam na penitenciária. Os detentos teriam fugido por meio de buracos que fizeram no teto do espaço do banho de sol.

“A estrutura do local é antiga e, assim como todos os presídios de Goiás, estava super lotado e tinha 75 presos para cada agente cuidar, sendo que o recomendado pelo Conselho Nacional de Política Criminal e Penitenciária é de cinco presos para um agente”, conta Bastos.

Ainda em nota, a Seap informou que “todas as forças de segurança da região prosseguem empenhadas em novas recapturas. Uma sindicância também foi instaurada para apurar o ocorrido”. Esta foi a terceira fuga registrada no Estado durante o Natal. Os outros casos aconteceram em Águas Lindas e em Jaraguá.

Águas Lindas

Na madrugada desta segunda-feira (25), dez detentos fugiram do presídio do município no entorno do Distrito Federal. No momento da fuga, três agentes faziam a vigilância no local. De acordo com nota da Seap, os agentes viram os fugitivos pelo sistema de monitoramento, mas não conseguiram conter a situação. A maioria dos que escaparam cumpre penas por roubo, tráfico de drogas e homicídios.

Foi divulgada a lista dos presos que fugiram: Augusto Machado de Carvalho, Daniel Crispim Neres da Cunha, Diego Rodrigues de Souza, Eudes Jorge Candeira Silva, Hermes de Oliveira Silva, José Ferreira Filho, Jonenilson Alves da Silva, Lucas Matheus da Silva, Marcos Antônio do Nascimento Sousa e Francisco da Cunha Silva. Ainda segundo a Seap, uma sindicância foi instaurada para apurar o caso. As denúncias podem ser feitas, anonimamente, pelo 197 e pelo WhatsApp da Polícia Civil, pelo número (62) 9.8581-8197.

Jaraguá

No último sábado (23), criminosos encapuzados entraram da cadeia pública do município. Na ação, agentes penitenciários foram agredidos para que dois detentos, Ariel Pedroso da Silva e Roberto Augusto Rodrigues Mendes, considerados de alta periculosidade, fugissem. Para dificultar a captura, os criminosos libertaram mais detentos. No total, 15 presos fugiram.

Os foragidos identificados até o momento são: José Aparecido Francisco dos Santos, Júnior Cesar da Conceição Mendes, Leandro Santana Borges, Lucas José de Paula, Luís Henrique Nunes, Luiz Eduardo dos Santos Rodrigues, Maygoll Douglas Delfino da Rocha, Renato de Oliveira Silva, Weltin Gomes dos Santos e Fernando Cláudio da Silva. No mesmo dia, segundo a Seap, dois presos retornaram, voluntariamente, para a cadeia.

Retorno

Sobre a quantidade de fugas de presídios ocorridas em pouco espaço de tempo, a Seap informou por nota, que “em operação conjunta com a Polícia Militar e suas estruturas, intensifica as ações preventivas que visam reforçar a vigilância em unidades prisionais em Goiás. Ao mesmo tempo, as forças de segurança permanecem empenhadas na recaptura de presos que fugiram de presídios nestes dias de final de ano”. No total, 39 presos fugiram ao longo do final de semana e feriado.