Em volta ao Atlético-GO, Jorginho quer continuar legado com a camisa do clube

Jorginho é o quarto jogador com mais jogos com a camisa do Atlético-GO, com 267 partidas

Jorginho em treino no Atlético-GO
Jorginho em treino no Atlético-GO. Foto: Bruno Corsino - ACG

O meia Jorginho retorna ao Atlético-GO para sua quarta passagem pela equipe rubro-negra e neste ano de 2022, o jogador espera poder continuar o legado pela equipe atleticana. Atualmente, o atleta é o quarto jogador que mais vestiu a camisa da equipe, com 267 jogos oficiais.

“Vim para fazer história no clube, dar o meu melhor como sempre fiz. Estou muito feliz em voltar ao Atlético-GO. Quando surgiu a chance de vestir essa camisa, eu não pensei duas vezes. Quando joguei aqui fui muito feliz, aqui é minha casa. Agora é deixar novamente meu legado, não terminei minha história aqui. Quero vestir muitas e muitas vezes essa camisa”, comentou.

Em seu retorno ao Dragão, Jorginho já traça alguns objetivos durante a temporada e no estadual, o jogador destacou que será a primeira meta, conquistar mais um título goiano para o clube.

“Estou ansioso. Sempre quando volto, eu conquisto alguma coisa, esse ano espero que não seja diferente. Espero que possamos conquistar títulos, fazer uma grande Copa do Brasil, passar de fase na Sul-Americana. Quero juntamente com meus companheiros conquistar títulos e vamos começar pelo campeonato Goiano, o Atlético não pode ficar um ano sem conquistar nada”, disse.

Saída de Jorginho em 2020

Em 2020, Jorginho saiu no meio da temporada do Atlético-GO e acertou com o xará Athletico-PR, porém no Furacão, o meia pouco atuou e acabou emprestado ao Ceará, onde jogou em 2021. Após o jogador deixar o clube, ficou um certo ressentimento da torcida, porém, o atleta fez questão de explicar a saída e que quer reconquistar o torcedor.

“Muita gente pensa que sai brigado do clube. Mas quando sai, eu falei com o Adson, que precisava respirar novos ares. Muita gente disse que eu queria que o clube caísse e é mentira. Ele (Adson Batista) me entendeu naquele momento e respeitou minha vontade. Estou de volta na minha casa espero conquistar mais títulos”, completou.