Ex-marido mata mulher após chamá-la para conversar no portão, em Aparecida (GO)

Vítima tinha medida protetiva contra o suspeito devido a ameaças que recebia. Homem ainda não foi localizado

Homem mata a ex-mulher a facadas após chamá-la para conversar em Aparecida (GO)
Homem mata a ex-mulher a facadas após chamá-la para conversar em Aparecida (Foto: Divulgação/Polícia Militar)

Uma mulher de 49 anos foi morta a facadas pelo ex-marido após ser chamada por ele para conversar no domingo (19), em Aparecida de Goiânia, região metropolitana da capital. J.M.E. tinha uma medida protetiva contra o ex-marido devido a ameaças que recebia. Após esfaquear a ex-mulher, o suspeito fugiu e segue foragido.

Informações da Polícia Civil apontam que a vítima participava de um almoço em família quando o suspeito a chamou no portão para conversar, por volta das 17h. Quando a mulher se aproximou, o homem a atingiu com golpes de faca. Em seguida, ele jogou a faca no meio da rua e fugiu em uma moto.

Familiares da vítima acionaram o Corpo de Bombeiros, que prestou os primeiros socorros e a encaminhou ao Hospital Estadual de Aparecida de Goiânia (Heapa), mas a mulher veio a óbito horas após dar entrada na unidade de saúde.

A Polícia Militar esteve no local para registrar a ocorrência. A faca usada para matar a vítima foi encaminhada para a Central de Flagrantes e, depois, encaminhada para a Delegacia de Atendimento á Mulher (Deam) de Aparecida de Goiânia, onde o caso é tratado como feminicídio e segue sob investigação. Segundo a polícia, até o momento o suspeito não foi localizado.

Leia outras notícias no Mais Goiás

Corpo encontrado em caixa na zona rural de Anápolis é de adolescente de 17 anos

Mulher é morta pelo companheiro no Dia dos Namorados e mãe entrega suspeito no Rio

Polícia prende homem suspeito de matar esposa que pediu divórcio, em Luziânia (GO)

*Jeice Oliveira compõe programa de estágio do Mais Goiás sob supervisão de Alexandre Bittencourt