Ex-One Direction, Louis Tomlinson, é preso em LA por agressão

Cantor foi acusado de agredir paparazzi enquanto desembarcava no Aeroporto Internacional de Los Angeles nesta sexta-feira (3)

Louis Tomlinson, ex-membro da boyband One Direction, foi preso em Los Angeles neste fim de semana. Segundo o TMZ, a voz de prisão foi dada após conflito físico entre o cantor e um paparazzo no Aeroporto Internacional da cidade.

Tomlinson teria se irritado com a proximidade do fotógrafo e, após discussões verbais, ele teria empurrado o paparazzo no chão, supostamente fazendo sua cabeça sangrar. Loius foi algemado ainda no aeroporto. O cantor estava com a namorada, Eleanor Calder durante o incidente.

Ainda de acordo com fontes do site TMZ, Louis queria que o fotógrafo fosse preso. Entretanto, depois de ouvir testemunhas e ver vídeos que civis registraram, a Polícia de Los Angeles determinou que o cantor foi o agressor culpado.

Segundo uma porta-voz da segurança do aeroporto, o britânico teria, ainda agredido uma mulher que tentou filmar sua namorada. Ele teria tentado tirar o celular de sua mão e a machucado no olho. Ela teve atendimento médico e passa bem.

“O paparazzo provocou”

Em nota, o advogado de Louis, Martin Singer, disse: “O paparazzo provocou e causou a briga que ocorreu com Louis no aeroporto. Esta não é a primeira ou última vez que um paparazzo cria uma altercação com uma celebridade”.

Ele continua: “Enquanto a briga estava acontecendo com os paparazzi, três outros indivíduos estavam atacando sua namorada durante este incidente e ele veio em sua defesa”.

Tomlinson foi liberado ainda na manhã de sábado (4), sob fiança de US$ 20 mil. O cantor, no entanto, está sob custódia e a Polícia de Los Angeles estuda mover um processo contra o ex-One Direction, segundo o TMZ.

Confira o momento da agressão: