Funcionário de cinema que desobrigou passaporte da vacina é demitido em Fortaleza

Decreto em vigor no Ceará exige que clientes mostrem documento que comprova vacinação contra Covid-19

Funcionário de cinema que desobrigou passaporte da vacina é demitido em Fortaleza
Funcionário de cinema que desobrigou passaporte da vacina é demitido em Fortaleza - (Foto: Divulgação/Governo do Ceará)

Um funcionário de uma rede de cinemas foi demitido depois que ele, por conta própria, desobrigou a apresentação do passaporte sanitário para a entrada em salas de cinema do Shopping Iguatemi, em Fortaleza. O caso foi relatado por um cliente no último sábado (18).

O documento é obrigatório para entrada em diversos estabelecimentos comerciais e públicos do Ceará. Em cinemas, a exigência começou a valer em 29 de novembro para que fosse possível receber 100% da capacidade.

Por meio de nota, a rede de cinemas UCI afirmou que o homem foi desligado quando a empresa teve ciência do ocorrido e que ele “não faz mais parte do quadro da empresa”. Segundo a rede, isso “não é algo usual” nos cinemas administrados por ela.

A rede de cinemas disse ainda que “age de acordo com as regras sanitárias vigentes na cidade de Fortaleza e segue à risca os protocolos de segurança determinados, como a obrigatoriedade do passaporte da vacina para o ingresso nos cinemas”.