Gabriel Félix fala sobre chance como titular e mira confronto contra o Volta Redonda: “Um jogo muito difícil”

Atualmente a Aparecidense ocupa a 11ª colocação da Série C e domingo encara o time carioca, cinco posições acima

Gabriel Felix em ação pela Aparecidense
Desde a chegada de novo treinador, goleiro está dois jogos sem ser vazado na meta da Cidinha. Foto: Luís Gustavo / Aparecidense

A Aparecidense acumula duas vitórias seguidas na Série C e se antes o time olhava para a parte de baixo da tabela, agora o foco está na parte de cima da competição. Após a chegada de Moacir Júnior, o time ainda tem outra coisa inédita no campeonato, dois jogos sem sofrer gols.

Responsável por essas duas partidas sem ter as redes balançadas, o goleiro Gabriel Félix que teve sua chance ainda na vitória sobre o Botafogo-SP, continuou como titular do treinador da Aparecidense, também na vitória sobre o líder Paysandu na última roadada.

“Eu fico feliz pela oportunidade que me foi dada. Cheguei no meio do estadual. Ainda não tinha feito nenhum jogo, mas a vida de goleiro todos sabemos que não é fácil. E sempre trabalhei para quando a oportunidade chegasse eu estivesse apto e que pudesse ajudar a equipe. E fico feliz por esse momento que estamos vivendo. São duas vitórias seguidas. Dois jogos sem levarmos gols.  Essa não é apenas uma marca minha, é de todo o clube e de todo nosso sistema defensivo”, disse o goleiro.

Agora a Aparecidense volta a jogar fora de casa, quando neste domingo (26), visitam o Volta Redonda, sexto colocado, no estádio Raulino de Oliveira, às 18 horas.

“É importante vencermos, estamos numa sequência boa e esperamos manter essa boa série. Teremos um jogo muito difícil contra um adversário que está na zona de classificação e estamos nos preparando bem para esse duelo, para voltamos de lá com um bom resultado”, concluiu o goleiro da Aparecidense.