Gêmeas siamesas passam por quarto procedimento antes da separação, em Goiânia

“Introdução dos expansores foi feita com muita tranquilidade", diz Zacharias Calil

Gêmeas siamesas passam por quarto procedimento antes da separação, em Goiânia (Foto: Divulgação)
Gêmeas siamesas passam por quarto procedimento antes da separação, em Goiânia (Foto: Divulgação)

As gêmeas siamesas Valentina e Heloá passaram pelo quarto procedimento cirúrgico antes da separação. A operação de colocação de expansores de pele foi conduzida pelo médico Zacharias Calil na manhã desta quinta-feira (23), no Hospital Estadual da Criança e Adolescente (Hecad), e durou cerca de 2h30.

Os primeiros expansores foram colocados em março passado. As irmãs paulistas têm 2 anos e 8 meses e também já passaram por cirurgia corretiva do sistema digestivo. O procedimento desta quinta é o último antes da separação, que agora depende do ganho de pele atingir o volume suficiente para encobrir as cicatrizes cirúrgicas.

Segundo Calil, que também é deputado federal, “a introdução dos expansores foi feita com muita tranquilidade. Agora vamos aguardar a recuperação das crianças que serão acompanhadas por nossa equipe na UTI do Hecad”. A expectativa é a que cirurgia de separação já ocorra no próximo semestre.

As gêmeas estão ligadas pelo abdômen e bacia e compartilham fígado, intestino grosso, bacia e genitália. Desde 2021 o médico goiano acompanha as irmãs de Guararema, interior de São Paulo. Atualmente elas vivem em Morrinhos com os pais Fernando e Waldirene pela proximidade de Goiânia.

Gêmeas Valentina e Heloá passam por quarto procedimento antes da separação

Gêmeas Valentina e Heloá passam por quarto procedimento antes da separação