Goiânia aguarda nota do Ministério da Saúde para vacinar crianças de 3 a 5 anos contra Covid

Seis capitais já iniciaram, nesta segunda-feira (18), a vacinação de crianças de 3 a 5 anos com a Coronavac

Goiânia aguarda nota do Ministério da Saúde para vacinar crianças de 3 a 5 anos contra Covid
Goiânia aguarda nota do Ministério da Saúde para vacinar crianças de 3 a 5 anos contra Covid (Foto: Jucimar de Sousa - Mais Goiás)

Goiânia ainda não tem previsão para começar a vacinar as crianças de 3 a 5 anos contra a Covid-19. A secretaria municipal de Saúde informa que ainda aguarda o envio da Nota Técnica do Ministério da Saúde que prevê a vacinação deste público com o imunizante Coronavac.

No último dia 15 de julho, o Ministério orientou Estados e municípios a usarem as doses em estoque para este grupo e disse, ainda, que negocia a compra de mais unidades. “A pasta recomenda que seja utilizado os estoques existentes nos estados e municípios. No entanto, o Ministério da Saúde segue em tratativas para aquisição de novas doses. A decisão será formalizada em nota técnica aos estados, bem como o cronograma de entrega de doses adicionais”, declarou a pasta em nota.

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) autorizou o uso emergencial da vacina em 13 de julho. Por isso a nota do Ministério informou: “Tendo em vista a decisão da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e, ouvida a Câmara Técnica de Assessoramento em Imunização da Covid-19 (CTAI), o Ministério da Saúde orienta os entes federativos a ampliar o uso da vacina Covid-19/Coronavac para faixa etária de 3 a 5 anos de idade.”

Vale citar, seis capitais já iniciaram, nesta segunda-feira (18), a vacinação de crianças de 3 a 5 anos com a Coronavac. Foram eles: São Luis (MA), Manaus (AM), Salvador (BA), Fortaleza (CE), Belém (PA) e Boa Vista (RR).

O primeiro Estado a aderir, todavia, foi o Rio de Janeiro, que iniciou a imunização na última sexta (15), mas somente nas crianças de 4 anos. As de 3 anos começam a ser imunizadas na quarta (20).