Goiânia leva 1° lugar no Prêmio Cidades Sustentáveis

A premiação valoriza as prefeituras que trabalham pelo desenvolvimento sustentável do município.


//

Na última semana, a cidade de Goiânia foi eleita em 1º lugar na categoria metrópole do prêmio Cidades Sustentáveis 2014, ficando à frente de Belém (PA), Campinas (SP), Curitiba (PR), Fortaleza (CE), Guarulhos (SP), Porto Alegre (RS), Salvador (BA) e São Paulo (SP). A premiação valoriza as prefeituras que trabalham pelo desenvolvimento sustentável do município.

Entre os índices avaliados, a capital goiana alcançou nas áreas de educação e de meio ambiente suas melhores avaliações. Segundo o coordenador geral das unidades executoras de programas, Nelcivone Melo, a rede de educação municipal atende hoje 100% das demandas do ensino fundamental e é compromisso do prefeito Paulo Garcia zerar o déficit de vagas na educação infantil, construindo mais escolas e Cmeis.

Nelcivone Melo lembra ainda os investimentos feitos pela atual administração municipal na área verde da cidade, que já conta com oito parques construídos nesta gestão e há previsão de obras em outros três. “Goiânia está preocupada em adotar práticas eficientes voltadas à melhoria da qualidade de vida da população, ao desenvolvimento econômico e à preservação do meio ambiente”, cita o coordenador.

Outros índices que também tiveram alta pontuação foram: transporte acessível, que passou de 77,97% em 2012 para 83,43% em 2013; inclusão social de negros na gestão municipal, que subiu de 1,27% em 2012 para 7,24%; pessoas com deficiência, que era de 0,46% em 2012 e chegou a 1,82% em 2013; e a coleta de resíduos sólidos para os aterros sanitários, que passou de 94,06% em 2012 para 99,39% em 2013.

“Esses indicadores funcionam como um GPS, uma bússola, para mostrar se a administração municipal está no caminho certo. Com o 1° lugar, Goiânia mostra que está fazendo seu dever de casa, que todas as ações do município são alinhadas com o plano de metas do PCS”, explica Nelcivone.

O PROGRAMA

O Programa Cidades Sustentáveis é realizado pelo Instituto Ethos, pela Rede Nossa São Paulo e pela Rede Social Brasileira por Cidades Justas e Sustentáveis, e funciona como uma fonte de informação para os gestores públicos, com agenda completa de sustentabilidade urbana. Apresenta 12 eixos a serem seguidos pelas prefeituras, que consideram a participação da comunidade local na tomada de decisões, a economia urbana preservando os recursos naturais, a equidade social, o correto ordenamento do território, a mobilidade urbana, o clima mundial e a conservação da biodiversidade.