Governo abre inscrição para banco de professores temporários em Goiás

Inscrições podem ser feitas do dia 30 de junho a 13 de julho, e a seleção ocorrerá por análise curricular

Pedido de vista pode atrasar aumento de professores estaduais em Goiás
Pedido de vista pode atrasar aumento de professores estaduais em Goiás (Foto: Governo de Goiás)

O governo de Goiás publicou, na última quinta-feira (24), um edital para a criação de um banco de habilitados com mais de 13,5 mil vagas, destinado à contratação de professores temporários do Estado. As inscrições podem ser feitas do dia 30 de junho a 13 de julho, e a seleção ocorrerá por análise curricular.

As vagas são para atuação em uma das escolas de educação básica dos 246 municípios goianos, com remunerações que variam entre R$ 1.219,05 e R$ 2.887,50. Para se candidatar, o interessado deve pagar a taxa de R$ 20 e ter como requisito mínimo: graduação concluída ou em andamento, preferencialmente na modalidade de licenciatura, na área da função escolhida, devidamente autorizada e reconhecida pelo MEC.

Serão selecionados profissionais das áreas de Administração, Artes, Ciências/Biologia, Educação Física, Ensino Religioso, Espanhol, Filosofia, Física, Geografia, História, Informática, Intérprete, Língua Inglesa, Língua Portuguesa, Matemática, Pedagogia, Química e Sociologia. Do total de vagas, 5% serão destinadas para candidatos com deficiência.

Conforme o governo do Estado, o banco de habilitados será utilizado sempre que for necessário convocar um novo profissional para atender as demandas. As inscrições do processo seletivo são feitas pelo site https://selecao.go.gov.br/.