H1N1: campanha de vacinação mira em caminhoneiros e demais motoristas profissionais

Sete pontos da PRF e dois postos de combustíveis em Goiás estarão aptos à realizar imunização da categoria

Campanha de vacinação contra H1N1 visa caminhoneiros e motoristas profissionais (Foto: PRF/ Divulgação)
Campanha de vacinação contra H1N1 visa caminhoneiros e motoristas profissionais (Foto: PRF/ Divulgação)

Motoristas profissionais começam a ser imunizados contra influenza em unidades operacionais da Polícia Rodoviária Federal (PRF) espalhadas pelo Estado de Goiás a partir desta quinta-feira (16). São sete postos com doses de vacina contra o vírus H1N1, que provoca a gripe suína.

O objetivo é vacinar caminhoneiros e outros motoristas profissionais, sem que precisem buscar unidades de saúde dentro das cidades. Com isso, a ação contribui com as medidas de prevenção de contaminação e disseminação da Covid-19, doença causada pelo coronavírus Sars-Cov-2. 

Segundo aponta o presidente do Sindicato dos Caminhoneiros Autônomos (Sindtac), Vantuir Rodrigues, a imunização é de suma importância para a categoria, já que ela está desprovida de quase todo tipo de proteção. Ele aponta que há falta de álcool em gel, máscaras e luvas nas rodovias. O que deixa os caminhoneiros expostos ao risco do coronavírus.

Embora a vacina contra H1N1 não tenha efetividade contra a Covid-19, a imunização ajuda no controle e diagnóstico de novos casos da covid-19. Vantuir lembra que programas de vacinação como esse ajudam o profissional, pois nem sempre estes podem ou tem tempo de entrar nas cidades e buscar um posto de saúde para fazer a imunização.

Para o caminhoneiro se vacinar, basta apresentar documentação que comprove ser parte da categoria. Qualquer profissional pode ter acesso à imunização, mesmo que seja natural ou resida em outros estados e estejam de passagem por Goiás.

“É mais uma ajuda. Goiás, felizmente, está bem guarnecido. O governador Ronaldo Caiado entendeu a necessidade e permitiu a abertura das borracharias e restaurantes na estrada. Não há problema quanto a isso no Estado”, avalia.

Além da vacinação, os caminhoneiros que passarem pelos postos também vão receber um kit com máscaras de proteção individual.

Veja os pontos de vacinação

Unidade Operacional em Hidrolândia: BR-153, km 525;
Unidade Operacional em Anápolis: BR-060, km 085,9;
Unidade Operacional em Itumbiara: BR-153, km 688,9;
Unidade Operacional em Rio Verde: BR-060, km 390;
Unidade Operacional em Jataí: BR-354, km 192;
Unidade Operacional em Catalão: BR-050, km 286,8;
Unidade Operacional em Uruaçu: BR-153, km 193
Posto Décio e posto Presidente