Higo Magalhães acredita que parte psicológica será fundamental para Vila Nova ser campeão da Copa Verde

Vila Nova e Remo entram em campo no sábado (11), no Baenão, em Belém, para a final da Copa Verde

Higo Magalhães durante treino no Vila Nova
Higo Magalhães durante treino no Vila Nova. Foto: Douglas Monteiro - Vila Nova

Vila Nova e Remo terminaram a primeira parte da decisão da Copa Verde empatados, agora o confronto que definirá o campeão da competição será neste sábado (11), no estádio Baenão, no Pará. Neste duelo, o técnico Higo Magalhães acredita que a equipe que estiver mais forte psicologicamente sairá de campo com o título.

“Quem estiver mais forte mentalmente, fazer um jogo que beira a perfeição, vai ter mais possibilidades de conseguir o título. A parte mental vai pesar muito para podermos aproveitarmos os momentos cruciais do jogo. A partida vai proporcionar momentos e temos de estar atentos nesses momentos para não sofrermos o gol e aproveitar as oportunidades de fazer o gol”, comentou o treinador.

Apesar do segundo duelo ser na casa do rival, Higo Magalhães destacou que o confronto estar aberto. Com o empate em 0 a 0 no OBA, a equipe que sair vencedora no duelo no Baenão irá levar o título, em caso de empate, a decisão será nas penalidades.

“Está tudo em aberto. O adversário dificultou muito, conseguiu nos anular. Não vamos ficar lamentado, temos tudo para fazer um grande jogo lá. Precisamos estar mentalmente fortes para fazermos o jogo do ano e conseguir esse título”, disse o treinador.