Homem esfaqueado pela ex em Aparecida de Goiânia descumpria medidas protetivas

Suspeita alega que tentou matar o ex-namorado a facadas para acabar com as ameças e agressôes que sofria

Homem esfaqueado pela ex em Aparecida de Goiânia descumpria medidas protetivas
Homem esfaqueado pela ex em Aparecida de Goiânia descumpria medidas protetivas (Foto: Polícia Militar)

O homem de 35 anos, que ficou gravemente ferido após a ex-namorada arquitetar uma armadilha e tentar matá-lo a facadas no último domingo (10) no bairro Vila Oliveira, em Aparecida de Goiânia, descumpria medidas protetivas que ela tinha contra ele, segundo a Polícia Militar. A suspeita de 29 anos confessou o crime e disse que queria matar o ex por estar cansada de sofrer ameaças e agressões.

Informações preliminares apontavam que, na ocasião da tentativa de homicídio, uma criança foi quem viu uma viatura na rua e pediu socorro, mas os militares não confirmaram essa versão. Segundo a polícia, vizinhos ouviram os gritos do homem e acionaram a equipe.

No local, os policiais viram quando a mulher batia a cabeça do ex-namorado com força no chão e o esfaqueava pelas costas. Diante do flagrante, a polícia prendeu a suspeita por tentativa de homicídio.

Plano

Inicialmente, a mulher contou que o ex invadiu sua casa, mas depois confessou que o convidou para uma confraternização na noite anterior e permitiu que ele dormisse na residência.

Na manhã seguinte, os dois tiveram uma discussão e ela o esfaqueou. A moça disse ainda que tinha medidas protetivas contra o homem, mas ele não as cumpria. De acordo com a detida, a própria tinha receio de sofrer mais agressões e ameaças e, por isso, tentou matá-lo.

Segundo a polícia, a medida protetiva foi solicitada no início do ano após a suspeita sofrer uma agressão.

Estado de saúde

O homem recebeu os primeiros socorros do Corpo de Bombeiros que o encaminhou para o Hospital Estadual de Aparecida de Goiânia (Heapa). Ele segue internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) em estado grave e respira com a ajuda de aparelhos, segundo boletim médico divulgado na noite de domingo.

A Polícia Civil investiga o caso.

LEIA MAIS

Suspeito é preso dentro de chiqueiro após tentar matar colega com facão, em Santo Antônio (GO)

Dono de quitinete tenta matar inquilino que não quis desocupar o imóvel, em Aparecida (GO)

Preso suspeito de tentar matar conhecido com golpes de facão, em Alto Paraíso (GO)

*Jeice Oliveira compõe programa de estágio do Mais Goiás sob supervisão de Hugo Oliveira