Homem que usou carro para invadir e destruir igreja em Jataí é preso na BR-364

Pastor da igreja contou aos investigadores que o suspeito ameaça e causa problemas com membros da congregação há algum tempo

A Polícia Civil prendeu um homem de 40 anos suspeito de usar um carro para invadir e destruir uma igreja evangélica. O crime aconteceu no último dia 6 de janeiro, em Jataí. Porém, os policiais só conseguiram prender o homem na última quinta-feira (13), uma semana depois, em uma fazenda localizada às margens da BR-364, sentido à cidade de Mineiros.

Imagens de câmeras de monitoramento da região flagraram o momento em que o veículo invade o templo e quebra uma das portas de entrada. Veja abaixo.

Homem que usou carro para invadir e destruir igreja já pertubava fiéis há algum tempo

O pastor da igreja contou aos investigadores que o suspeito ameaça e causa problemas com membros da congregação há algum tempo, por causa do barulho das celebrações.

Por conta do perigo que o homem representa aos fiéis e à igreja, os policiais representaram pela prisão preventiva do suspeito. Durante o cerco policial, os agentes também apreenderam o carro usado no atentado.

Arma

Além de vistoriarem a fazenda onde o suspeito estava, os policiais foram até outro endereço vinculado ao investigado, especificamente em uma residência localizada ao lado da igreja atacada. Isso porque, nesta casa os agentes encontram uma arma de fogo. O objeto, segundo os investigadores, poderia potencializar outras ações violentas contra a vida de membros da igreja.

Ainda de acordo com a investigação, há menos de um mês o mesmo hoem foi flagrado tentando explodir um botijão de gás na porta do local. Na ocasião, ele foi liberado depois de um registro de um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO).

Dessa vez, no entanto, o responderá por dano qualificado, preconceito religioso, ameaça, perseguição, exercício arbitrário das próprias razões, impedimento/perturbação a culto religioso.