Homem rouba carro, se arrepende e escreve carta com pedido de desculpas, em Goiânia

Na carta ele pede perdão pelo roubo e afirma que a vida dele estava "uma bagunça"

Homem rouba carro, se arrepende e escreve carta pedindo de desculpas, em Goiânia
Homem rouba carro, se arrepende e escreve carta pedindo de desculpas, em Goiânia

Um fato inusitado aconteceu depois de um roubo de carro realizado na noite desta terça-feira (15), em Goiânia. O ladrão se arrependeu do crime, devolveu o veículo e ainda escreveu uma carta pedindo desculpas pelo acontecido.

O roubo aconteceu em frente a uma igreja evangélica, logo após o culto, contra o pastor. De acordo com informações da Polícia Civil (PC), João Marcos Landmann abordou a vítima com uma arma de fogo na saída do culto. Além do carro, ele levou dois celulares.

No dia seguinte, o veículo foi encontrado e devolvido ao pastor. No mesmo dia, uma mulher ligou para a vítima e disse que um dos celulares havia sido encontrado e que ela queria devolvê-lo. No momento em que o aparelho foi devolvido, ela entregou para ele uma carta, supostamente escrita pelo autor do crime.

Na carta ele pede perdão pelo roubo e afirma que a vida dele estava “uma bagunça”. Ele alegou estar sob efeito de álcool e drogas e que, por usar tornozeleira eletrônica, não consegue arrumar emprego. “Eu ando meio perdido. Não sei o que fazer. Aprendi na Bíblia que o perdão salva a alma. Por isso, imploro que o senhor e sua família me perdoe [sic], por favor”, diz o texto. Ele ainda se identifica e conclui a carta dizendo “quem sabe você se torne o meu pastor um dia. Obrigado”. Confira carta na íntegra no final da matéria.

Com as informações da carta, a PC localizou e prendeu João nesta quarta (16), no Conjunto Vera Cruz. O suspeito usava tornozeleira eletrônica por ter praticado o mesmo crime em 2019. Entrentanto, ele conseguiu desativar o aparelho depois de roubar o pastor.

Ainda de acordo com a PC, ele está à disposição da justiça. Se condenado, pode pegar até 10 anos de prisão.