Idosa de 81 anos atropelada por ônibus do Eixo Anhanguera, em Goiânia, está estável

Acidente aconteceu próximo à plataforma José Hermano, em Campinas. Metrobus comunicou que veículo estava dentro do limite de velocidade

Idosa de 81 anos atropelada por ônibus do Eixo Anhanguera, em Goiânia, está estável
Idosa de 81 anos é atropelada por ônibus do Eixo Anhanguera, em Goiânia

Uma idosa de 81 anos foi atropelada por um ônibus do Eixo Anhanguera na manhã desta quinta-feira (3) no Setor Campinas, em Goiânia.  Segundo o Hospital Estadual de Urgências Governador Otávio Lage de Siqueira (Hugol), ela está em estado regular. Ela respira sem a ajuda de aparelhos e está consciente. O acidente aconteceu por volta das 9 horas da manhã, próximo à estação José Hermano.

De acordo com o Corpo de Bombeiros, Maria de Lurdes Bernardes foi atendida com uma fratura exposta na perna e uma suspeita de fratura em um braço.

Por meio de nota, a Metrobus lamentou o acidente no Eixo Anhanguera e comunicou que o veículo estava circulando a 32 km/h, dentro do limite de velocidade permitido. A empresa ressaltou que o sinal estava verde quando o ônibus estava em movimento. Por fim, informou que está apurando o caso e que está acompanhando o está de saúde da idosa.

Confira nota na íntegra.

“A Metrobus lamenta profundamente o incidente que ocorreu na manhã desta quinta-feira (03/10) que ocasionou o atropelamento de uma senhora nas proximidades da plataforma José Hermano, no Setor Campinas, em Goiânia.

A empresa já está realizando as devidas apurações do acidente. Segundo informações preliminares o motorista estava com o sinal verde possibilitando sua passagem e andando a 32km/h dentro da velocidade permitida. A Metrobus relembra as seguintes orientações: qualquer pessoa, ao fazer a travessia da pista deve olhar para os dois lados da via e apenas fazer a passagem, quando o sinal estiver fechado para o motorista. Onde não houver semaforização, acenar para ele parar, antes da passagem.

A Metrobus ressalta que está acompanhando e monitorando o estado de saúde da vitima.”

Metrobus