Idoso é preso em Anápolis após ameaçar autoridades no TikTok

De acordo com PC, idoso já teria ameaçado servidores municipais e agora dizia em vídeos que "queria beber sangue de procuradores"

Polícia civil prende idoso após ameaças. (Foto: Divulgação)

A Polícia Civil de Goiás em Anápolis, realizou nesta quarta-feira (17) a prisão preventiva de um idoso de 61 anos, no bairro Recanto do Sol. Ele é investigado pelos crimes de calúnia e coação no curso do processo.

A segunda prisão aconteceu pois o idoso já teria ameaçado servidores municipais. O Ministério Público emitiu o mandado de prisão em outubro após conflitos sobre à construção do Parque Linear, na Avenida Brasil Norte.

Por conta da construção, as barracas que o idoso tinha como renda, precisam ser retiradas do local. Ao ser informado da decisão o homem ameaçou servidores públicos no local, e, consequentemente, foi preso.

Desta vez, de acordo com a polícia, o homem postou vários vídeos nas redes sociais e relacionava, falsamente, crimes a servidores públicos. Além disso, diversos vídeos ofensivos e intimidativos foram direcionados a autoridades públicas que desempenham suas atividades em Anápolis.

Através do Tik Tok, o idoso bem ativo nas redes uma das suas últimas postagens, o investigado fez um vídeo em que aparece dizendo que “queria beber sangue de procuradores do município”.

Ante a reiteração delituosa, a fim de garantir a ordem pública e a conveniência da instrução criminal, o Poder Judiciário proferiu decisão decretando a prisão preventiva do investigado. O caso aguarda agora decisão da justiça

Como o nome do idoso não foi divulgado, o Mais Anápolis não conseguiu contato com a defesa.