IML confirma identidade do homem que morreu após sofrer mal súbito dentro de ônibus, em Anápolis 

Nivaldo José Bueno Costa, tinha 51 anos, e estava no ônibus do transporte coletivo que seguia para o Conjunto Filostro Machado

Vítima passou mal e morreu dentro de ônibus do transporte coletivo (Foto: Jucimar de Sousa/Mais Goiás)
Vítima passou mal e morreu dentro de ônibus do transporte coletivo (Foto: Jucimar de Sousa/Mais Goiás)

Polícia Científica confirmou a identidade do homem que morreu após sofrer mal súbito dentro de um ônibus do transporte coletivo, em Anápolis. De acordo com o motorista, de 31 anos, o socorro médico chegou a ser acionado mas o passageiro já estava sem vida. O fato aconteceu no início da tarde de quarta-feira (29).

Segundo o Instituto Médico Legal (IML), Nivaldo José Bueno Costa, tinha 51 anos. O passageiro estava no ônibus que seguia para o Conjunto Filostro Machado.

Testemunhas informaram que o homem começou a ter crises convulsivas na região da Vila Santa Maria de Nazareth. Ele estava de mochila com roupas, garrafa de água e um celular. Inicialmente a Polícia Militar (PM) não havia confirmado a identidade da vítima que estava sem os documentos pessoais.

Números de telefone que estavam na capinha do celular de Nivaldo auxiliaram no contato com familiares que reconheceram o corpo na sede do IML.

Após perícia, houve a liberação do corpo para o velório e o sepultamento.