Incêndio destrói rádio em Edealina e diretora acredita em motivação política

Sede, computadores e equipamentos de transmissão ficaram completamente destruídos

A sede da rádio Beira Rio FM, em Edealina, no sul goiano, foi completamente destruída por um incêndio na madrugada deste sábado (18).

A diretora da rádio, Cristina Leandro, contou que soube do incidente por volta das 3h. “Queimou completamente a casa, os computadores e os equipamentos de transmissão”, afirmou.

Segundo ela, esse já é o segundo incêndio que atinge a sede da rádio, que também teria sido alvo em novembro do ano passado, logo após as eleições em que ela concorreu, sem sucesso, à prefeitura. A diretora acredita que ambos os casos tenham sido criminosos e que tiveram motivação política.

Cristina estima que as perdas sofridas neste último incidente beirem os R$ 200 mil. Ela afirma que está tentando contato com a delegacia de Indiara — já que Edealina não conta com uma –, mas que suas ligações não foram atendidas.