Incêndio na Chapada dos Veadeiros já destruiu o equivalente a 10 mil campos de futebol

Nesta quarta-feira (15), os brigadistas debelaram parte do fogo, mas ainda há focos

Incêndio na Chapada dos Veadeiros já destruiu já destruiu 10 mil campos de futebol
Incêndio na Chapada dos Veadeiros já destruiu já destruiu 10 mil campos de futebol(Foto: Divulgação - Bombeiros)

O incêndio que atinge a região da Chapada dos Veadeiros já destruiu o equivalente a 10 mil campos de futebol, ou seja, 10 mil hectares. Na tarde desta quarta-feira (15), os brigadistas debelaram parte do fogo que atingia as regiões do Rio dos Couros e de Boa Vista.

Brigadistas do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio) se concentraram em combater o fogo que atinge a região de Boa Vista. Essa região fica próxima ao Parque da Chapada dos Veadeiros e caso as chamas se propagassem poderiam atingir pontos turísticos da reserva.

Incêndio na Chapada dos Veadeiros já destruiu já destruiu 10 mil campos de futebol

Na tarde desta quarta-feira (15), os brigadistas debelaram parte do fogo que atingia as regiões do Rio dos Couros e de Boa Vista. (Foto: Divulgação – Bombeiros)

Segundo o Corpo de Bombeiros, a equipe do ICMBio conseguiu controlar parte do fogo de lá utilizando o chamado ataque combinado, com equipes atuando pela terra e outras pelo ar, com o uso de aeronaves. Porém, ainda existem focos de incêndio na região.

O Parque da Chapada dos Veadeiros continua aberto para visitantes. O fogo se iniciou no domingo (12), no Vale da Lua e, até o momento, mobiliza mais de 150 profissionais.

Limites do Parque Águas do Paraíso também estão sendo atingidas pelo incêndio na Chapada dos Veadeiros

De acordo com o capitão Luíz Antônio Dias, os brigadistas dos bombeiros se concentraram no extermínio das chamas da região do Rio dos Couros. A área fica próxima ao Parque Estadual Águas do Paraíso e, apesar da atuação, também continua tendo focos ativos.

Desde a tarde de terça-feira (13), o Parque Águas do Paraíso está fechado para visitantes, como forma de segurança. Apesar disso, os bombeiros reforçam que o fogo se concentra da região da Área de Proteção Ambiental (Apa) de Pouso Alto, fora dos Parques.

Uma preocupação ainda maior dos brigadistas agora são os focos de incêndio que atingem a região do povoado de São Jorge. A área também fica próxima ao Parque Águas dos Paraíso. Na noite desta quarta (14), as equipes se reuniram para traçar novas estratégias para exterminar o incêndio no Vale de São Miguel.

“Hoje esse é a região mais próxima ao Parque da Chapada dos Veadeiros. São cerca de 8 quilômetros de fogo. A missão é de salvaguardar as fazendas e a população”, disse o capitão.

*Larissa Feitosa compõe programa de estágio do Mais Goiás sob supervisão de Hugo Oliveira.