Indivíduo com extensa ficha criminal morre após confronto com a CPE na GO-222

Segundo a CPE Anápolis, o indivíduo possuía passagens por: roubo de cargas, tráfico interestadual de drogas, receptação e porte ilegal de arma de fogo

Fábio Afonso dos Santos era considerado de alta periculosidade. (Foto: Reprodução)
Fábio Afonso dos Santos era considerado de alta periculosidade. (Foto: Reprodução)

Um indivíduo com extensa ficha criminal morreu após troca de tiros com policiais da Companhia de Policiamento Especializado (CPE). O confronto ocorreu na manhã desta sexta-feira (12) na GO-222 entre Anápolis e Nerópolis. Segundo a Polícia Militar (PM), Fábio Afonso dos Santos, efetuou disparos contra os policiais durante tentativa de abordagem a um caminhão. O suspeito foi baleado e não resistiu aos ferimentos.

De acordo com a CPE Anápolis, Fábio era considerado de alta periculosidade e possuía antecedentes criminais por: roubo de cargas, tráfico interestadual de drogas, receptação e porte ilegal de arma de fogo.

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) constatou o óbito. Moradores da região, relatam que ouviram o barulho dos disparos durante o confronto. A arma utilizada pelo suspeito foi apreendida.

Segundo a CPE, nenhum policial militar ficou ferido durante a ocorrência.