Inter pode fazer estátua para Fernandão e aposentar a camisa 9

Ainda é uma ideia, que poderá ser levada a uma consulta com os associados

Em meio à comoção causada pela morte de Fernando Lúcio da Costa, de 36 anos, conhecido como Fernandão, em um acidente de helicóptero, duas propostas de homenagens definitivas ao ídolo ganham corpo entre os dirigentes colorados: uma estátua para o capitão e a aposentadoria da camisa 9.

Ainda é uma ideia, que poderá ser levada a uma consulta com os associados, mas até agora este é o principal plano para eternizar Fernandão no Beira-Rio. O processo poderá ser deflagrado ainda em meio à Copa do Mundo e tomar corpo quando a Fifa devolver o Beira-Rio para o Inter.

ENTERRO

O corpo de Fernandão será transportado ao Cemitério Jardim das Palmeiras, em Goiânia, em um caminhão aberto do Corpo de Bombeiros. Segundo a corporação, o cortejo deve sair por volta de 14h30 do ginásio da Serrinha, sede do Goiás Esporte Clube, onde está sendo velado.

Ídolo do Goiás e do Internacional, Fernandão e mais quatro pessoas morreram em uma queda de avião na madrugada de sábado (7/06), em Aruanã, a 315 km da capital. O acidente ocorreu logo após o grupo deixar um acampamento às margens do Rio Araguaia em direção à cidade.

(Com informações do jornal Zero Hora)