Usuários de droga invadem casa e batem no dono por causa de corte de energia, em Itumbiara (GO)

Idoso foi agredido por "cortar" a energia de sua propriedade que foi invadida por um dos suspeitos

Suspeitos de agredir idoso com pedradas na cabeça são presos em Itumbiara
Suspeitos de agredir idoso com pedradas na cabeça são presos em Itumbiara (Foto: Divulgação/Polícia Civil)

Um homem, de 25 anos, e uma mulher, de 21, são suspeitos de agredir um idoso com pedradas na cabeça por ele cortar a energia de uma casa, com o objetivo de forçá-los a sair do local. O imóvel é propriedade do idoso e havia sido invadido por um dos suspeitos, que são irmãos. Ao perceber que dono havia cortado a energia, o suspeito pediu ajuda da irmã para matá-lo. O crime aconteceu em Itumbiara, no sul de Goiás. A prisão dos irmãos, que são usuários de droga, foi efetuada na tarde desta segunda-feira (20).

Aos policiais, o idoso disse que pediu para que rapaz deixasse o local, mas ele se recusou a sair. Cortar a energia da residência, localizada no setor Paranaíba, foi a solução que restou. O suspeito viu o momento em que a vítima cortava a energia e, irritado com a ação do idoso, o segurou e pediu para que a irmã pegasse uma pedra e atingisse a cabeça dele, na intenção de matá-lo.

O idoso sofreu lesões graves na cabeça devido as pedradas que recebeu, mas, mesmo ferido, conseguiu se desvencilhar dos irmãos e fugir. Ele foi direto para a delegacia, onde pediu por ajudar. Após relatar o crime para os policiais, o idoso foi encaminhado para uma unidade de saúde, onde recebeu atendimento médico, e a polícia iniciou as diligências.

Ao verificar a identificação dos suspeitos, os policiais constataram que o homem era investigado por envolvimento com tráfico de drogas.

Drogas na residência

Os policiais do Grupo Especial de Repressão a Crimes Patrimoniais (Gepatri) foram até o endereço informado pela vítima e efetuaram a prisão dos irmãos. Durante buscas na casa, os agentes apreenderam porções de crack e maconha. Segundo a polícia, o homem resistiu à prisão e precisou ser imobilizado.

Ele responderá por tentativa de homicídio qualificado por motivo fútil, tráfico de drogas e resistência. Já a irmã, foi autuada em flagrante por tentativa de homicídio qualificado por motivo fútil. Ambos foram encaminhados para a Unidade Prisional do município, onde seguem à disposição do Poder Judiciário.

Leia outras notícias no Mais Goiás

Idoso é agredido após assediar mulher dentro de ônibus e acaba preso em Minas Gerais

Idoso é encontrado morto com o crânio esmagado em Uberlândia (MG)

Corpo é encontrado carbonizado no porta-malas de carro em Jataí (GO)

*Jeice Oliveira compõe programa de estágio do Mais Goiás sob supervisão de Alexandre Bittencourt