Jiboia de 1,5 metro é capturada por Bombeiros em Anápolis

Especialistas afirmam que jiboia não é venenosa e mata sua presa por constrição, impedindo o fluxo sanguíneo

Serpente estava no gramado do imóvel (Foto: Divulgação/3º BBM)
Serpente estava no gramado do imóvel (Foto: Divulgação/3º BBM)

Bombeiros capturaram uma cobra da espécie jiboia de 1,5 metro que estava no quintal de uma residência no Bairro Boa Vista, em Anápolis. Especialistas afirmam que jiboia não é venenosa e mata sua presa por constrição, impedindo o fluxo sanguíneo. O resgate aconteceu na tarde de quarta-feira (11).

“Militares deslocaram ao endereço e fizeram o resgate do animal silvestre. Após a captura, a cobra foi solta em seu habitat natural”, explicou o Sargento Monteiro, do 3º Batalhão de Bombeiros.

Vídeo divulgado pela corporação mostra o animal na grama. Com um gancho e um tambor, a cobra foi capturada.

Sobre a jiboia

As jiboias são animais que possuem um grande corpo comprido e cilíndrico. O seu tamanho é uma característica marcante, sendo observados indivíduos de até quatro metros de comprimento. As fêmeas, quando comparadas aos machos, destacam-se por apresentarem um tamanho maior.

As jiboias são serpentes encontradas em várias regiões da América Central e América do Sul. No Brasil, é comum encontrar jiboias na Amazônia, na Mata Atlântica, no Cerrado, na Caatinga e no Pantanal.

Leia também:

Casal de cobras é encontrado “namorando” no quintal de residência em Anápolis