Mãe é presa por agredir e dar bebidas alcoólicas para filhas em Piracanjuba

De acordo com a Polícia Civil (PC), a filha mais nova, de apenas 4 anos, foi encontrada dormindo dentro do carro trancado

Mãe é presa por agredir e dar bebidas alcoólicas para filhas em Piracanjuba

Uma mulher de 35 anos foi presa, na madrugada da última terça-feira (4), suspeita de agredir e dar bebidas alcoólicas para as próprias filhas de 12 e 16 anos, em Piracanjuba, a cerca de 90 quilômetros de Goiânia. Segundo a Polícia Civil (PC), a mãe ainda teria deixado a outra filha, a caçula de 4 anos, dormir dentro do carro trancado.

De acordo com o delegado Leylton Barros, a Polícia Militar (PM) foi acionada, por volta da 1h da manhã, para uma ocorrência de briga familiar. Ao chegar no local, os policiais notaram que ocorria uma festa na casa. “A mãe estava alterada. As adolescentes se trancaram no banheiro para fugir das agressões. Depois, elas contaram que a mãe deu bebidas alcoólicas para elas”, pontua.

Leylton destaca que as briga teria começado exatamente pelo fato das três estarem alteradas. Os militares também encontraram a filha mais nova, de 4 anos, dormindo dentro de um carro trancado na garagem da residência. Por causa disso, ela foi presa em flagrante. O delegado conta que a mulher se manteve no direito de permanecer em silêncio durante depoimento. Também não foi apresentado advogado de defesa.

Ela foi autuada por lesão corporal, abandono de incapaz, maus-tratos e de fornecer bebida alcoólica para menor de idade. Leylton relata que as filhas foram encaminhadas ao Conselho Tutelar e, posteriormente, para o pai, que mora em Goiânia. Ele ganhou a guarda provisória.