Mães ganharam até R$ 900 em auxílio alimentação do governo, diz Caiado

Segundo o governador, uma mulher em Abadiânia e outra em Jataí têm seis filhos cada, por isso recebem o benefício proporcional

Mães ganham até R$ 900 em auxílio alimentação do governo, diz Caiado
Mães ganham até R$ 900 em auxílio alimentação do governo, diz Caiado

Quase 92 mil alunos e cerca de 72 mil famílias foram beneficiadas, na quarta-feira (8), pelo auxílio alimentação instituído pelo Governo Estadual devido a suspensão das aulas presenciais por causa da pandemia do novo coronavírus. Segundo o governador Ronaldo Caiado (DEM), em live divulgada em suas redes sociais, existem dois casos no Estado que mães foram beneficiadas com R$ 900, uma vez que possuem dois filhos e são inscritas no Cadastro Único (CadÚnico).

“Uma senhora com seis crianças em Abadiânia e outra com seis, em Jataí”, comentou o governador. “Essas, até agora, bateram o recorde do número de crianças em baixa renda e estarão recebendo proporcionalmente. Poderão ter a alimentação correta para todos”, celebrou Caiado, que reforça que o intuito desse benefício é manter a qualidade da alimentação.

Caiado ainda citou que o dinheiro é do Estado, com base em uma economia feita para melhorar a vida da população. Ele disse, também, que os R$ 150 são um “gol de placa”, uma vez que “Estados mais ricos” têm pago cerca de R$ 50. “São (aproximadamente) R$ 13 milhões por mês.”

Benefício

O primeiro valor que já depositado na conta do responsável pelo estudante é referente a 30 dias, entre 18 de março a 18 de abril. O recebimento da verba é condicionante à regularidade escolar.

O benefício foi instituído pelo Decreto nº 9.643, que criou o programa de alimentação escolar da rede pública de ensino durante o período de enfrentamento à Covid-19. Ficou estabelecido o aporte de R$ 75 aos alunos, referente aos primeiros 15 dias de suspensão das aulas.

Diante da prorrogação da suspensão até 30 de abril, como anunciado na última sexta-feira (3), o Governo de Goiás depositou outros R$ 75,00 para os próximos 15 dias. O pagamento será realizado nos cartões Bolsa Família, Renda Cidadã ou Cartão Cidadão. A lista completa com os beneficiados está disponível no site da Secretaria de Educação.