Mais de 38 mil títulos de eleitor estão irregulares em Aparecida de Goiânia

Segundo levantamento do Tribunal Regional Eleitoral (TRE), são 38.251 inscrições canceladas em Aparecida de Goiânia

Titulo de eleitor
Mais de 38 mil têm título de eleitor irregular em Aparecida de Goiânia (Foto: TSE - Divulgação)

Mais de 38 mil pessoas estão com título de eleitor irregular em Aparecida de Goiânia. Esse número representa 12,05% do total de eleitores na cidade da região metropolitana da capital.

Segundo levantamento do Tribunal Regional Eleitoral (TRE), são 38.251 inscrições com problemas em Aparecida de Goiânia. Desses, são 21.951 documentos que ficaram irregulares porque não houve coleta de dados biométricos. Ou seja, a biometria representa 57,39% das pendências.

A coleta de dados biométricos aconteceu em Aparecida entre 2013 e 2014. Esses títulos estão cancelados desde então.

Outros 16.300 (42,61%) estão irregulares por não terem votado nas últimas três eleições. E, para o tribunal, cada turno conta como um não comparecimento.

O restante, 2.488 eleitores, tiveram seus direitos políticos suspensos. O motivo mais comum para essa suspensão é a condenação judicial.

Como regularizar o título de leitor?

O eleitor goiano tem até maio de 2022 para regularizar a situação junto à Justiça Eleitoral. Para tirar dúvidas sobre os serviços disponibilizados pelo Tribunal Regional Eleitoral de Goiás (TRE), basta entrar em contato com o Tele-Eleitoral pelo disque 148.

Nessa central, o eleitor pode obter informações sobre como tirar o primeiro título de eleitor (alistamento eleitoral), verificar a situação atual do título, ou seja, se consta alguma pendência, multa, se está cancelado ou ativo. Também pode tirar dúvidas sobre prazos, bem como sobre a legislação eleitoral, entre outras.

A Justiça Eleitoral também disponibiliza diversos serviços on-line para o cidadão, por meio do Título Net. Demandas como alistamento, transferência, regularização e revisão do título eleitoral podem ser sanadas remotamente.

O que acontece se não regularizar o título de eleitor?

O eleitor que não votar em três eleições consecutivas, e cada turno corresponde a uma eleição, não justificar sua ausência e não quitar a multa devida terá o registro do título eleitoral cancelado.

O cidadão em situação irregular com a Justiça Eleitoral ficará impedido de obter passaporte ou carteira de identidade, receber salários de função ou emprego público e obter alguns tipos de empréstimos.