Morador de Uruaçu é preso por furtos em estabelecimentos de Barro Alto (GO)

Na data da prisão, suspeito havia furtado alicates de unha e barras de chocolate em um supermercado

Morador de Uruaçu que furtava estabelecimentos em Barro Alto é preso
Morador de Uruaçu que furtava estabelecimentos em Barro Alto é preso (Foto: Divulgação/Polícia Civil)

Um morador de Uruaçu que se deslocava com frequência para Barro Alto, ambos na região Norte de Goiás, para furtar estabelecimentos foi preso pela Polícia Civil. Ele foi detido no momento em que praticava o crime. A prisão foi efetuada no último dia 15 de junho, mas, para não interferir na investigação, o caso foi divulgado na terça-feira (21). De acordo com a polícia, cerca de oito estabelecimentos foram furtados pelo suspeito de 38 anos.

Os policiais de Barro Alto receberam denúncia de funcionários de um supermercado que viram nas câmeras de segurança quando o suspeito furtava o estabelecimento. A equipe se deslocou até o local e prendeu o homem em flagrante.

Com o suspeito, os policiais encontram alicates de unha e barras de chocolate que foram devolvidos ao gerente do supermercado de Barro Alto

Com o suspeito, os policiais encontram alicates de unha e barras de chocolate que foram devolvidos ao gerente do supermercado de Barro Alto (Foto: Polícia Civil)

Para os policiais, o detido contou que saía de Uruaçu para praticar os furtos na cidade vizinha e retornava para casa após os delitos. Com ele, os policiais encontram alicates de unha e barras de chocolate que foram devolvidos ao gerente do supermercado.

Ao verificar a identificação do suspeito no sistema, foi constatado que havia um mandado de prisão em aberto por crimes de furto expedido pela Comarca de Uruaçu.

Após prestar depoimento, o suspeito foi encaminhado para a penitenciária de Goianésia, onde segue a disposição da justiça.

LEIA MAIS

Homem furta mercado e chora ao ser preso, em Anápolis

Polícia prende oito por receptação de peças de veículos na região da Canaã

Suspeito de furtar e vender objetos de CMEI é preso, em Anápolis

*Jeice Oliveira compõe programa de estágio do Mais Goiás sob supervisão de Hugo Oliveira