Moro diz que sua candidatura pode romper polarização Bolsonaro-Lula

Ex-juiz diz que "muita gente" tem medo da candidatura dele à presidência

Moro diz que sua candidatura pode romper polarização Bolsonaro-Lula
Moro diz que sua candidatura pode romper polarização Bolsonaro-Lula (Foto: Pablo Valadares - Câmara dos Deputados)

Segundo o ex-juiz Sergio Moro (Podemos), “muita gente” tem medo da candidatura dele à presidência. “Ela tem essa capacidade romper essa polarização”, diz em entrevisto a Isso É Bahia.

A polarização que o ex-ministro se refere é entre os pré-candidatos à presidência Lula (PT) e Bolsonaro (PL). O vídeo foi divulgado no Twitter.

Na gravação, ele voltou a dizer que não disputará o Senado. “Não serei candidato ao Senado. Tem muita gente mentindo na cara dura, porque tem medo de uma candidatura minha à presidência.”

De acordo com pesquisa recente da Genial Investimentos e Quaest Consultoria – do último dia 12 -, revela que o ex-presidente Lula lidera com 45% as intenções de voto. O estudo, que ouviu 2 mil pessoas entre 6 e 9 de janeiro, mostra Bolsonaro (PL) em segundo lugar com 23%, o ex-juiz Sergio Moro (Podemos) com 9%, o ex-ministro Ciro Gomes (PDF) com 5%, o governador de São Paulo, João Doria, com 3%, e a senadora Simone Tebet (MDB), com 1%.

Em relação a rejeição, Bolsonaro lideram com 66%, seguido pelo governador de São Paulo, João Doria (PSDB), 60%; Moro, 59%; Ciro Gomes (PDT), 58%; e Lula, 43%.