Morre atriz Bibi Andersson, uma das musas de Bergman, aos 83 anos

Artista, que proganotizou 'O Sétimo Selo' e 'Quando Duas Mulheres Pecam (Persona)', estava internada desde 2009 após sofrer um Acidente Vascular Cerebral (AVC)

Morreu neste domingo (14) a atriz sueca Bibi Andersson, aos 83 anos. A artista era uma das musas de Ingmar Bergman e estrelou alguns dos longas mais famosos deste cineasta, como O Sétimo SeloQuando Duas Mulheres Pecam – Persona.

A notícia foi dada pela diretora e amiga pessoal de Bibi, Christina Olofson. A atriz estava internada desde 2009 após sofrer um Acidente Vascular Cerebral (AVC). De lá para cá, ela esteve internada em um hospital de Estocolmo, na Suécia.

QUEM FOI Bibi Andersson?

Nascida Berit Elisabeth Andersson, a atriz começou no mundo audiovisual em uma publicidade dirigida por Bergman. Depois disso, após ela se formar em Teatro Dramático, começou uma longa e prestigiosa parceira entre os dois.

Bibi tornou-se uma das musas de Bergman e apareceu em vários filmes do cineasta. Os destaques foram: O Sétimo SeloMorangos SilvestresQuando Duas Mulheres Pecam – Persona.

Bibi Andersson em cena do filme ‘Quando Duas Mulheres Pecam – Persona'(Foto: Reprodução)

Com este último papel, Bibi Andersson ganhou um Guldbagge, maior prêmio do cinema sueco. (com informações da agência EFE)