Morre o escritor e jornalista Semi Gidrão Filho

O comunicador, conhecido pela vasta cultura e também pelo profissionalismo, atuou em veículos como o Portal de Jaraguá, Rádio Cidade AM e Diário de Aparecida, onde foi editor.

O jornalista e escritor Semi Gidrão Filho faleceu na manhã da última quarta-feira, 7, aos 59 anos. O comunicador, conhecido pela vasta cultura e também pelo profissionalismo, atuou em veículos como o Portal de Jaraguá, Rádio Cidade AM e Diário de Aparecida.

Semi Gidrão lutava há anos contra um quadro grave de diabetes, doença que, inclusive, levou a uma amputação do pé. É autor de obras como ‘Policarpo em Estórias ao Pé da Serra’ e ‘Enxadas, Machados e Foices’. O escritor e jornalista chegou a ter um conto de sua autoria premiado num concurso na Alemanha.

Pela internet, amigos e familiares, tanto de Jaraguá, onde Semi Gidrão morava, quanto de outras partes do estado e do país, lamentaram a morte do jornalista. Numa publicação no Facebook, um amigo se refere a ele como um amigo “eloquente, empreendedor, debatedor e polêmico”, dono ‘de vasta cultura e fã de Lima Barreto”.

“Semi Gidrão vai deixar para cada Jaraguense que ama a arte, seus ensinamentos que eram muitos e seus conselhos que sempre engrandeciam e levantavam a estima. Seus projetos que de tão grandiosos, nos tiravam de nossa zona de conforto”, diz o texto.