Motociclista ignora sinalização e morre em colisão contra ônibus em Goiânia

O motorista do ônibus realizou o teste do bafômetro, cujo o resultado atestou negativo

Motociclista morre após desobeceder sinalização e colidir contra ônibus em Goiânia
Motociclista morre após desobeceder sinalização e colidir contra ônibus em Goiânia (Foto: Divulgação - PC)

Um motociclista de 56 anos, identificado como Mariuzan Pereira da Silva, morreu após ignorar a sinalização de trânsito e colidir contra um ônibus. O caso aconteceu na noite desta terça-feira (23), depois que a vítima desobedeceu o sinal vermelho emitido por semáforo, na Avenida Anhanguera, em Goiânia. Agentes da Delegacia de Investigação de Crimes de Trânsito (Dict) estiveram no local para investigar o ocorrido.

O motociclista trafegava pela Avenida Anhanguera, no sentido Goiânia à Senador Canedo. Aos policiais, o motorista do ônibus, de 51 anos, relatou que trafegava na mesma via e direção, mas na faixa destinada ao transporte coletivo.

O motorista do ônibus realizou o teste do bafômetro, cujo o resultado atestou negativo

O motorista do ônibus realizou o teste do bafômetro, cujo o resultado atestou negativo (Foto: Divulgação – PC)

Colisão ocorreu quando motociclista fez conversão à esquerda

Em determinado momento, o motociclista tentou realizar uma manobra de conversão à esquerda. Foi neste momento que ocorreu a colisão transversal entre os veículos. O Corpo de Bombeiros esteve no local e apenas constatou o óbito da vítima. Já o motorista do ônibus realizou o teste do bafômetro, cujo o resultado atestou negativo.

Em nota, a Cooperativa de Transporte do Estado de Goiás (Cootego) lamentou o ocorrido e disse que aguarda a perícia para tomar as devidas providências. Segundo a declaração, a companhia ainda não possui informações detalhadas sobre o acidente para tomar qualquer decisão.

Leia Mais

‘Meu filho poderia estar vivo’: a luta de uma mãe contra operadora de saúde

Ocupação de UTIs em Goiás é a menor desde o início da pandemia

Estudante acusa professor de injúria racial em colégio militar de Luziânia

Houve tentativa de roubo do corpo de idoso de necrotério em Goiânia, acredita polícia

*Larissa Feitosa compõe programa de estágio do Mais Goiás sob supervisão de Hugo Oliveira.