Mulher é presa por negociar filha de 14 anos para prostituição por R$ 100 em São Paulo

A mãe foi presa na última terça-feira (1º), em Paraibuna

Mulher é presa por negociar filha de 14 anos para prostituição por R$ 100 em São Paulo
Mulher é presa por negociar filha de 14 anos para prostituição por R$ 100 em São Paulo - (Foto: Divulgação/ Polícia Civil)

Uma mulher de 35 anos foi presa suspeita de negociar a filha de 14 anos para a prostituição por R$100, em Paraibuna, no interior de São Paulo. Segundo a Polícia Civil, ela foi presa depois de uma denúncia em que a mulher teria abordado uma série de homens oferecendo relação sexual em troca de dinheiro.

Em mensagens divulgadas pela PC, a mãe oferece aos “clientes” que tenham, primeiro, relações com a filha e, depois, com ela, sendo que o programa com a menina custaria R$ 100. Em algumas das mensagens, a mãe chega a dizer que está ensinando a menina para oferecer os serviços prometidos.

A polícia pediu à Justiça a prisão dela na segunda-feira (31), e o mandado foi cumprido na última terça-feira (1º). As duas filhas adolescentes da mulher foram encaminhadas ao conselho tutelar e estão em abrigos provisórios.

Mãe nega crime

Na delegacia a mãe negou o crime e disse que não teria feito as ofertas. Segundo ela, o aplicativo de mensagens foi invadido por um terceiro. A mulher tem histórico de uso de drogas, segundo a PC.

A Secretaria de Segurança Pública disse que o caso é investigado por meio de inquérito policial instaurado pela Delegacia de Paraibuna. A investigação segue em segredo de Justiça por envolver menor de 18 anos.