Mulher que teve o braço decepado já respira sem ajuda de aparelhos

O suspeito de 61 anos está preso preventivamente

Valcilene Barbosa Costa (Foto: Redes Sociais)
A vítima ainda está na UTI (Foto: Redes Sociais)

Quase uma semana após o crime, Valcilene Barbosa de 48 anos, já respira sem ajuda de aparelhos. A vítima teve o braço decepado durante uma briga por causa de folhas secas em um lote, na última sexta-feira (6), no Parque das Primaveras.

Ao Mais Anápolis, o Hospital Estadual de Urgências Governador Otávio Lage de Siqueira (HUGOL) divulgou que mesmo com o avanço na recuperação, a paciente ainda está na Unidade de Terapia Intesiva (UTI) e o estado de saúde é regular.

O delegado do 2º Distrito Policial, responsável pelo caso, Luiz Carlos informou que o homem de 61, suspeito de atingir o braço de Valcilene, está preso preventivamente. A polícia tem 30 dias, desde o dia do crime, para concluir o inquérito.

O caso

A vítima voltava para casa após o serviço, quando encontrou o marido e o suspeito discutindo por causa de folhas secas. O idoso era conhecido na região por colocar fogo em lixo, o que incomodava os vizinhos.

As ameaças e xingamentos iniciaram quando o companheiro da vítima pediu para que o suspeito não ateasse fogo nas folhas. Foi neste momento que, com uma foice, o idoso decepou o braço de Valcilene.